Declaração silenciosa de amor

Declaração silenciosa de amor

301546_458701507534497_807927882_n

Todo dia ela levava o moleque à escola. A calça jeans meio manchada e a bolsa meio gasta. O garoto ao lado, uns seis anos de ingênua finura, os olhos escuros o gingado já faceiro.  Quando chegava ao lugar ela sempre se assentava primeiro e ele, não pensava duas vezes, saltava em suas pernas, o ritual diurno findava com um carinho no rosto pequeno do menino e um afago na cabeça raspada. Com a cria acomodada no colo a mulher me olhou, e eu, quieta, me senti no dever de sorrir. Sorrir por ter testemunhado aquela modesta declaração silenciosa de amor diário.

Hellen Leite

Anúncios

3 comentários sobre “Declaração silenciosa de amor

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s